Google+ Badge

terça-feira, 28 de setembro de 2010

OPORTUNIDADES ( fp1:12-30)

"As coisas que me aconteceram tem contribuído para o progresso do evangelho" (12)
As experiência por que passamos, por mais dolorosas que sejam podem tornar-se em oportunidades para testemunhar-mos as realidades da nossa experiência cristã.
Precisamos enxerga-las sob este ângulo, o melhor lugar para se começar é fazendo o tipo de oração que Paulo fez no trecho que vamos ler agora (Fp 1:3,4)

ESTÁ ORAÇÃO MUDA:
1.(v.12) A maneira de vermos os problemas: não precisamos gostar dos mesmos. Paulo não gostou de ficar na cadeia, mas viu esta situação como oportunidade de servir a Cristo. Podemos fazer o mesmo com a nossa " Prisão".
2. (13-21) A maneira de vermos outras pessoas: O nosso comportamento, em nossas palavras, principalmente em épocas de crise, não observadas pelos não cristãos(v 13). É bom quando podem ver Cristo em nós. Alguns companheiros de Paulo talves mostrassem certa inveja do seu ministério bem sucedido (15-17), porém mais importante para ele o fato de estarem compartilhando as boas novas (18).
3.(21-30) A maneira de vermos a Vida e a Morte: Paulo estava vivendo uma situação em que corria perigo de ser morto, executado,mas veja como ele encarava a situação - para ele o dilema era: Viver aqui em comunhão com Cristo - De qualquer maneira era liberdade para ele(19). Sua preocupação para estar as ordens de Deus, honrando a Cristo.(20)

- * Ler os versos 27-30 e traga a mensagem amorosa de Deus para nossa vida hoje.

Oração:
Senhor Jesus, ajude-me a ver a minha situação como uma forma de serviço.Amém.


LOUVOR NA ADVERSIDADE (sl 40:1-11)
"Me pôs nos lábios um novo cântico" (13)

Durante muitos anos Davi esteve no exílio, caçado e perseguido por Saul. Foram muitos anos passados buscando refúgio nas cavernas, e dias nos quais sua capacidade  de confiar em Deus foi provada ao máximo.

Breve roteiro da prova.
 O cântico das mulheres indignas Saul (I sm 16:7-16)


1. E Saul atirou com a lança, dizendo:
" Encravarei a Davi na parede, porém Davi se desviou dele por dias vezes ( I sm 18:11)
2. Davi foge para Aquis, Rei de Gate ( I sm 21:10-15)
Ali ele se faz como doido e esgravatava nas portas do portal, e deixava correr saliva pelas barbas. (v- 13)
3. Esconde-se na caverna de Adulão
- E juntou-se a Ele todo homem que se achava em aperto, e todo homem individado, e todo homem de espírito desgostoso, e ele se fez chefe deles; e eram com eles uns 400 homens. (I sm 22:2)
Foi a Mispa e ali deixou sob o cuidado do rei dos moabitas, seu pai e sua mãe, até que ele ( Davi) soubesse o que Deus faria com ele. (22:3).
- Por ódio a Davi, Saul mata os sacerdotes do Nobi, por que lhe deram guarida e a espada de Golias ( 85 homens que vestiam éfode de limbo) como também acaba com a cidade Demes, passando a Fio de espada desde homens até a mulher, desde os meninos de peito e até os bois, jumentos e ovelhas ( I sm 22:18-19)

* Só sobrou Abiatar, que procura Davi, e este o convida  a ficar com Ele.

Quando Saul morreu, Davi foi aclamado como nosso Rei e entregou-se ao cargo de todo o coração. Seus problemas, porém não tinham terminado, porque o conflito entre os que o apoiavam  e os descendentes de Saul continuou por algum tempo. ( Ism 2:1-3:1)
Este Salmo foi, possivelmente, escrito durante estes acontecimentos.
A medida que Davi se recorda de dias tristes do passado, percebe como a intervenção de Deus foi constante.
(1,2) A lembrança desse fato encheu seu coração de gratidão e louvor. Podemos louvar a Deus pela bênção do passado em meio a problemas do presente.
Os problemas de Davi haviam durado muito tempo, e o alivio não foi imediato. Deus, porém atendeu e finalmente o Salvou.
A lembrança deste fato provocou um novo canto de louvor (3,5)
O verdadeiro Louvor leva a uma nova dedicação das nossas vidas a Deus (6-10). Davi reconhece que a verdadeira adoração não é questão de ritual religioso(6) mas de obediência sincera(8).
Um coração agradecido e uma disposição de servir a Deus, andar sempre lado a lado. O seu Louvor se transformou em testemunho publico(9,10).
HB 10:5-7 -nos diz que os versos 7,8 foram cumpridos em Jesus. O louvor de Davi tinha também um aspecto prófetico que ele próprio desconhecia.
Davi louvou  a Deus em todas as circunstancias. Porque será que não fazemos o mesmo?






              Salmo 23


Este salmo tem significado muito para milhões de pessoas através dos tempos, mas por ser um texto familiar, corremos o risco de perder a perspectiva e a vitalidade da Experiência que Davi está expressando.
Davi era um Pastor Israelita; a vida era difícil e o trabalho árduo, mas o relacionamento de confiança entre ovelhas e o Pastor podia ser muito forte. Do nascimento á morte, o pastor devia ter a certeza de que cada necessidade da ovelha seria provida.
Se uma ovelha pudesse falar, bem que podia dizer quando cuidada por um pastor: " Eu tenho tudo de que preciso". Neste salmo, Davi esta expressando em palavras suas experiências  com Deus -  a experiência pessoal é real nos problemas essências da vida.
Em nossa cultura, o papel do Pastor tem mudado muito, e muitos tem tentado reescrever está primeira linha, como por exemplo:     "  O Senhor é o meu: Professor; conselheiro;amigo;guia;irmão mais velho, etc



Há algum outro nome que caiba bem na tua necessidade?
Você pode relaciona-lo a algum tipo especifico de pessoas no mundo de hoje?


Se temos um relacionamento com Deus de Davi - o criador e sustentador do universo -Se ele é pessoal para você, então todas as outras necessidades humanas estão colocadas em sua verdadeira perspectiva.


Eu tenho tudo de que preciso.


ORAÇÃO:


" Pai, por teu amor e cuidado por mim eu sou profundamente agradecido.






AMÉM!