Google+ Badge

terça-feira, 5 de junho de 2012

Deixemos que Deus opere...


"Estava enfermo um certo homem,Lázaro de Betânia.........Mandaram as irmãs de Lázaro dizer a Jesus: Senhor,está enfermo aquele a quem tu amas" (João 11:1-3)

Diz-Nos  Tiago, na sua Epístola "Pedis, e não recebeis , porque pedis  mal, para o gastardes em vosso prazeres" (Tiago 4:3). E ocorre-nos uma pequena história que ilustra bem esta verdade:
 "Preciso de azeite - disse um homem um certo dia, e plantou no seu jardim um oliveira nova.
  -"Senhor - diz ele, orando -é preciso chuva, para que as raízes desta oliveira sejam regadas e cresçam 
envia ois, uma boa chuvada".
E o senho enviou uma boa chuvada.
-" Senhor -orou o homem - a minha arvore tem necessidade  de calor. Envia sol, eu te suplico"
E o sol brilhou 
 -"Agora, Senho envia uma geada para fortificar as fibras da minha arvore".
 E eis que a arvorezinha se mostrou brilhante, inteiramente coberta de geada. Mas durante a noite,ela morreu!
 O homem dirigiu-se então a casa de um seu vizinho para lhe contar a sua estranha história.
 -"Eu também plantei uma árvore pequenina -responde-lhe o vizinho - e vê como ela cresce! È que eu
 confiei-a aos cuidados do meu Deus. aquele que a fez sabe o que lhe faz falta melhor do que uma cristura
como eu.
 Não Lhe ditei o que ele devia fazer. Disse-Lhe apenas:
".Senhor, envia agora tudo aquilo de que a arvore tem necessidade: tempestade, sol ,vento, chuva ou gelo.   foste Tu que a fizeste, tu conheces as suas necessidades".
 Não é verdade, amigos cristãos, que, com demasiada frequência nas nossa orações, nos ditamos a Deus
 as nossas vontades ? Quantas vezes nos terá parecido difícil dizer: "Faça-se o que tu queres, Senhor,
 e não o que eu quero".